Costa Rica está em boas mãos com "Falcão" Navas

quinta-feira, 8 de maio de 2014 13:00 BRT
 

Por Iain Rogers

8 Mai (Reuters) - A Costa Rica pode ter poucas chances de sucesso na Copa do Mundo, mas Keylor Navas, jogador do Levante, da Espanha, é certamente um dos melhores goleiros do esporte.

O atleta, de 27 anos, foi até considerado recentemente como o melhor do mundo pelo técnico do Levante, Joaquín Caparrós, e suas atuações nesta temporada motivaram o site oficial do Campeonato Espanhol (www.ligabbva.com) a proclamá-lo o melhor da liga, à frente de goleiros como Victor Valdés, do Barcelona, e Thibaut Courtois, do Atlético de Madrid.

Modesto, quieto e muito religioso, Navas não está deixando os elogios subirem à cabeça e está feliz com a chance de disputar a sua primeira Copa do Mundo, no Brasil.

"Estou muito agradecido. Esses comentários me motivam e me ajudam a continuar me desenvolvendo", disse à Reuters, em uma entrevista por telefone.

"Eles me ajudam a perceber que o trabalho que estou fazendo é valorizado e que preciso mantê-lo."

Navas passou seu primeiro ano na Espanha jogando pelo Albacete, da segunda divisão, antes que o Levante o contratasse, mas só virou titular do clube de Valência com a chegada da Caparrós, no começo da temporada.

Ele é conhecido, acima de tudo, pela agilidade, que o fez ganhar a alcunha "O Falcão da Costa Rica", e atribui o seu sucesso ao trabalho duro e ao treinador de goleiros do Levante, Lluis Llopis.

"Eu me considero um goleiro muito seguro e calmo", disse Navas à Reuters.   Continuação...