Obama é reeleito e Congresso permanece dividido nos Estados Unidos

quarta-feira, 7 de novembro de 2012 03:31 BRST
 

Por Steve Holland e John Whitesides

WASHINGTON, 7 Nov (Reuters) - O presidente norte-americano, Barack Obama, foi reeleito para um segundo mandato na Casa Branca nesta quarta-feira, projetaram emissoras de televisão dos Estados Unidos, que também apontaram que o Congresso do país permanecerá dividido, com os democratas controlando o Senado e os republicanos com o domínio na Câmara.

Obama venceu o republicano Mitt Romney em uma série de Estados-chave, apesar da fraca recuperação econômica e do elevado desemprego persistente. Os eleitores tiveram de escolher entre duas visões completamente diferentes para o país.

A vitória de Obama em Ohio, o Estado mais disputado, conforme as projeções das emissoras de TV, o coloca no topo da briga pelos 270 votos do Colégio Eleitoral necessários para permanecer na Casa Branca, acabando com as esperanças de Romney de vencer em uma série de Estados-chave.

Obama obteve vitórias apertadas em Ohio, Wisconsin, Iowa, Pensilvânia e New Hampshire, enquanto o único Estado-chave conquistado por Romney foi a Carolina do Norte, de acordo com as projeções das emissoras.

Até o momento, não havia comentários da campanha de Romney sobre os resultados.

Pelo menos 120 milhões de pessoas eram esperadas para decidir entre o democrata e Romney após uma longa, cara e amarga campanha presidencial centrada em como reparar a economia em crise dos Estados Unidos.

Obama começa o seu segundo mandato de quatro anos enfrentando a difícil tarefa de enfrentar um déficit anual de 1 trilhão de dólares, reduzir a dívida nacional de 16 trilhões de dólares, reformar os caros programas sociais e lidar com um Congresso dividido que parece manter o mesmo impasse partidário.

A reeleição projetada de Obama também deverá decidir os rumos dos Estados Unidos nos próximos quatro anos em questões como gastos públicos, saúde, o papel do Estado e os desafios da política externa, como a ascensão da China e as ambições nucleares do Irã.   Continuação...

 
Partidários do presidente norte-americano, Barack Obama, comemoram sua reeleição em Chicago, nos Estados Unidos, na noite de terça-feira. 06/11/2012 REUTERS/Kevin Lamarque