Israel lança ofensiva contra Gaza e mata líder do Hamas

quarta-feira, 14 de novembro de 2012 21:11 BRST
 

Por Nidal al-Mughrabi

GAZA, 14 Nov (Reuters) - Israel lançou uma grande ofensiva contra militantes palestinos na Faixa de Gaza nesta quarta-feira, matando o comandante militar do Hamas em um ataque aéreo e ameaçando uma invasão do território, ofensiva que o grupo islâmico prometeu "abrir as portas do inferno".

O ataque destruiu a esperança de que uma trégua mediada pelo Egito na terça-feira pudesse afastar os dois lados de uma guerra, depois de cinco dias de crescentes ataques de foguetes palestinos e ações israelenses contra alvos militantes.

A operação "Pilar da Defesa" começou com um ataque cirúrgico a um carro que transportava o comandante do braço militar do Hamas, o movimento islâmico que controla Gaza e domina uma legião de pequenos grupos armados.

Poucos minutos depois da morte de Ahmed Al-Jaabari, grandes explosões atingiram Gaza, enquanto a força aérea israelense atacava alvos selecionados pouco antes do pôr do sol, provocando nuvens de fumaça e detritos sobre a populosa cidade.

Civis em pânico correram em busca de refúgio e o número de mortos aumentou rapidamente. Dez pessoas, incluindo três crianças, morreram, segundo o Ministério da Saúde, e cerca de 40 ficaram feridas. Também entre os mortos estavam um bebê de 11 meses e uma grávida de gêmeos.

Tanques do Exército atacaram áreas na fronteira com Gaza no sul e a Marinha israelense bombardeou uma base de segurança do Hamas a partir do mar.

O Hamas revidou, disparando no mínimo quatro foguetes Grad contra a cidade de Beersheba, no sul, no que chamou de resposta inicial. Israel registrou danos, mas não vítimas. Seu interceptador de defesa "Cúpula de Ferro" abateu uma dezena de foguetes em voo.

A escalada da violência em Gaza aconteceu na semana em que Israel atacou posições de artilharia da Síria que teriam disparado contra as Colinas de Golã em meio à guerra civil na Síria que trouxe instabilidade renovada ao vizinho Líbano.   Continuação...

 
Palestinos tentam remover os restos do carro após ataque aéreo em Gaza. Israel matou o comandante militar do Hamas em um ataque aéreo nesta quarta-feira na Faixa de Gaza, levando os dois lados envolvidos no conflito à iminência de uma nova guerra. 14/11/2012 REUTERS/Ali Hassan