China nomeia estrutura de liderança conservadora

quinta-feira, 15 de novembro de 2012 09:26 BRST
 

PEQUIM, 15 Nov (Reuters) - O Partido Comunista Chinês revelou uma estrutura de liderança mais velha e conservadora nesta quinta-feira, a qual parece improvável que tomará ações drásticas necessárias para atuar firmemente em questões urgentes como agitações populares, degradação ambiental e corrupção.

O novo chefe do partido, Xi Jinping, o vice-primeiro-ministro, Li Keqiang, e o vice-premier encarregado dos assuntos econômicos, Wang Qishan, todos indicados conforme o esperado para a o Comitê Permanente do Politburo, o círculo máximo de poder, são considerados políticos cautelosos.

Os outros quatro membros do comitê têm reputação de serem conservadores.

A nova cúpula partidária acabou com esperanças de que Xi iniciaria uma liderança que tomaria passos ousados para lidar com a desaceleração econômica na segunda maior economia do mundo, ou começar a afrouxar a mão forte do Partido Comunista na nação mais populosa do mundo.

(Sui-Lee Wee e Ben Blanchard)