França diz que fundamentos são bons apesar de redução de rating

terça-feira, 20 de novembro de 2012 08:48 BRST
 

PARIS, 20 Nov (Reuters) - A França disse que os fundamentos da economia são bons e as reformas estão caminhando após a agência de classificação de risco Moody's ter rebaixado o rating soberano do país.

A redução da Moody's, após corte da Standard & Poor's em janeiro, já era esperada mas foi um choque para o presidente socialista François Hollande em sua tentativa de equilibrar as finanças do país e reativar a atividade econômica.

"A mudança do rating não coloca em questão os fundamentos econômicos do país, os esforços feitos pelo governo ou nosso bom histórico de crédito", afirmou o ministro das Finanças francês, Pierre Moscovici, em entrevista na terça-feira.

O ministro de Finanças da Alemanha, Wolfgang Schaeuble, disse nesta terça-feira que a França recebeu um "pequeno alerta" com o corte em um grau de seu rating soberano pela agência Moody's, mas advertiu contra um excesso de dramatização do corte.

O rebaixamento para AA1 com perspectiva negativa derrubou o euro 0,30 por cento para 1,2770 em relação ao dólar na noite de segunda-feira, mas a moeda europeia recuperou-se e era negociada a 1,2814 por dólar nesta terça-feira.

O rendimento do principal título público francês de 10 anos estava praticamente estável em 2,09 por cento contra os 2,08 por cento antes do downgrade.

(Reportagem de Leigh Thomas)