Egito vê final do conflito em Gaza nesta 3a-feira

terça-feira, 20 de novembro de 2012 11:45 BRST
 

CAIRO, 20 Nov (Reuters) - O presidente do Egito, Mohamed Mursi, disse nesta terça-feira que a "agressão israelense" contra Gaza deve ser encerrada no final do dia, informou a agência estatal de notícias egípcia Mena.

"O presidente Mohamed Mursi anunciou que a farsa da agressão israelense contra a Faixa de Gaza terminará na terça-feira", informou a Mena, citando declarações públicas feitas pelo líder do país após o funeral de sua irmã.

"O esforço para concluir uma trégua entre os lados palestino e israelense irá produzir resultados positivos nas próximas horas", disse Mursi, segundo a Mena. O Egito vem tentando mediar uma trégua para acabar com o conflito.

A reportagem da Mena não citou frases exatas de Mursi, que falou em Zagazig, ao norte do Cairo, no Delta do Nilo.

O primeiro-ministro egípcio, Hisham Kandil, disse à Reuters na segunda-feira que um cessar-fogo pode estar próximo.

Israel lançou uma campanha aérea na quarta-feira com o objetivo declarado de impedir o Hamas, o grupo islâmico palestino que controla na Faixa de Gaza, de disparar foguetes contra as suas comunidades do sul.