Chávez está em repouso absoluto após infecção respiratória, diz governo

terça-feira, 18 de dezembro de 2012 23:06 BRST
 

CARACAS, 18 Dez (Reuters) - O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, que há uma semana passou por uma complexa cirurgia contra o câncer, deve fazer repouso absoluto em Cuba devido a uma infecção respiratória que já foi controlada, afirmou nesta terça-feira o governo, a menos de um mês de o mandatário assumir o seu novo mandato.

"A condição geral do comandante-presidente neste momento é de estabilidade, depois de ter sido diagnosticado na segunda-feira com uma infecção respiratória que a equipe médica conseguiu de imediato tratar e que foi controlada", disse o ministro da Comunicação, Ernesto Villegas.

"A equipe média informou que o presidente Chávez deve fazer repouso absoluto nos próximos dias e receber com o maior rigor o tratamento médico prescrito com o propósito de manter a estabilidade dos valores de suas funções vitais atuais", acrescentou.

O anúncio aumentou as dúvidas sobre se Chávez terá condições de assumir em 10 de janeiro o seu novo mandato de seis anos que conquistou nas eleições de outubro.

O mandatário de 58 anos surpreendeu o mundo na semana passada ao anunciar o retorno do câncer na região pélvica que combate desde o ano passado. Ele foi submetido em Havana a uma complexa cirurgia de seis horas, a quarta em 18 meses.

O governo minimizou a infecção, garantindo que é comum em pacientes submetidos ao tipo de cirurgia de Chávez.

"Esse tipo de doença é uma das sequelas apresentadas com maior frequência em pacientes que foram submetidos a cirurgias complicadas, como à que o presidente Chávez foi submetido", disse Villegas.

(Reportagem de Diego Oré e de Eyanir Chinea)