Alcoa tem lucro de US$242 milhões no quarto trimestre

terça-feira, 8 de janeiro de 2013 21:11 BRST
 

8 Jan (Reuters) - A Alcoa, maior produtora de alumínio nos Estados Unidos, expressou um otimismo cauteloso de que a demanda pelo metal continuará a crescer em 2012, ajudado parcialmente pelo crescimento global nos mercados aeroespacial e de construção.

A empresa divulgou nesta terça-feira um resultado em linha com as expectativas de Wall Street, inclusive superando as previsões sobre a receita, ajudando a acalmar investidores após um turbulento ano de 2012.

"Estou mais otimista de que 2013 é um ano de potencial comparado de onde viemos", disse o presidente-executivo da Alcoa, Klaus Kleinfeld, à rede CNBC.

Para o quarto trimestre, a companhia registrou lucro líquido de 242 milhões de dólares, ou 0,21 dólar por ação, ante um prejuízo de 191 milhões de dólares, ou 0,18 dólar por ação, no mesmo período do ano anterior.

Excluindo itens extraordinários, o lucro líquido foi de 64 milhões de dólares, ou 0,06 dólar por ação, em linha com a expectativa média do mercado, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

As vendas somaram 5,89 bilhões de dólares, acima das previsões do mercado, mas caíram 1,5 por cento sobre um ano antes, após o preço médio cobrado por tonelada ter recuado.

A Alcoa disse esperar que o consumo global de alumínio cresça 7 por cento em 2013, ante 6 por cento em 2012.

Investidores tendem a analisar de perto os resultados da Alcoa por pistas sobre onde a economia geral caminha, já que a os produtos da companhia de alumínio são utilizados em veículos, aplicativos e indústria aérea.

(Por Ernest Scheyder)