Índia diz estar muito preocupada com violação de trégua na Caxemira

quarta-feira, 9 de janeiro de 2013 08:16 BRST
 

NOVA DÉLHI (Reuters) - A Índia informou nesta quarta-feira que o embaixador do Paquistão na Índia foi convocado para uma reunião em que foi discutida "em fortes termos" a situação que levou à morte de dois soldados durante uma troca de tiros na disputada fronteira da Caxemira.

O ministro das Relações Exteriores, Salman Khurshid, disse que a violação de um cessar-fogo de 10 anos na fronteira fortemente militarizada é uma questão de grande preocupação e afirmou que espera uma resposta apropriada do Paquistão.

O corpo de um dos soldados foi encontrado "terrivelmente mutilado" em uma região florestal no território himalaia, no lado controlado pela Índia, segundo autoridades militares indianas. O Paquistão negou a acusação.