Forças da França e do Mali tomam aeroporto em reduto rebelde

sábado, 26 de janeiro de 2013 13:14 BRST
 

MALI, 26 Jan (Reuters) - As forças francesas e malinesas tomaram o controle do aeroporto e da ponte sobre o rio Níger, em Gao, reduto de rebeldes islâmicos, informou neste sábado o Ministério da Defesa da França.

Tropas francesas e malinesas têm avançado rapidamente na ofensiva contra militantes islâmicos ligados à rede Al Qaeda que se apoderaram da parte norte do Mali, no deserto do Saara. A França interveio no início deste mês no país, a pedido do governo do Mali.

O anúncio do ministério mostrou que as unidades francesas e malinesas estão obtendo progressos rápidos em sua ofensiva em direção ao norte contra uma coalizão de grupos islâmicos que inclui o braço da Al Qaeda no norte africano.

Há duas semanas os jatos e helicópteros franceses estão bombardeando os islamistas em retirada, destruindo seus veículos, postos de comando e depósitos de armas.

O ministro da Defesa da França, Jean-Yves Le Drian, disse que muitos dos veículos dos combatentes islâmicos "e bases logísticas foram destruídos", segundo o site do ministério.

A notícia de que as forças francesas estavam em Gao surge num momento em que Estados Africanos enfrentam dificuldades para pôr em ação uma força de intervenção formada por 6 mil homens, em apoio ao governo do Mali.

(Reportagem de James Regan em Paris, Richard Valdmanis em Konna, Mali e David Lewis, em Dacar)

 
Um soldado carrega um caminhão com equipamento médico, que será transferido para um hospital temporário em Sevare, do aeroporto de Bamako, Mali. 26/01/2013 REUTERS/Malin Palm