Ataque suicida deixa ao menos 33 mortos em Kirkuk, no Iraque

domingo, 3 de fevereiro de 2013 13:08 BRST
 

KIRKUK, 3 Fev (Reuters) - Um ataque suicida envolvendo homens armados disfarçados com uniformes da polícia matou pelo menos 33 pessoas na cidade iraquiana de Kirkuk neste domingo. Os homens tentavam invadir a sede da polícia local.

Este foi o terceiro ataque relevante nas últimas semanas naquela cidade ou perto dela, uma área composta por árabes, curdos e turcomanos no centro de uma disputa por petróleo e terras entre o governo central de Bagdá e da região autônoma do Curdistão.

"Um suicida dirigindo um carro carregado de explosivos bateu na entrada da sede e depois os outros homens vestindo coletes com explosivos usaram AK47 e granadas, mas os guardas os mataram", disse um policial.

A enorme explosão destruiu a fachada de concreto da sede da polícia e alguns carros estacionados na rua, e deixou corpos sob escombros em repartições públicas próximas. Segundo a polícia, havia pelo menos dois homens armados.

(Por Omar Mohammed e Mustafa Mahmoud)

 
Seguranças iraquianos são vistos em frente ao local onde houve a explosão de uma bomba, na cidade de Kirkuk, no Iraque. Um ataque suicida envolvendo homens armados disfarçados com uniformes da polícia matou pelo menos 33 pessoas neste domingo. 03/02/2013 REUTERS/Ako Rasheed