Barbosa diz que não há previsão para publicação de acórdão do mensalão

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013 20:26 BRST
 

BRASÍLIA, 4 Fev (Reuters) - Ainda não há previsão para a publicação do acórdão do julgamento do mensalão, afirmou nesta segunda-feira o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa.

Os recursos contra as condenações do processo, que segundo o STF trata de um esquema de compra de apoio político ao governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, só poderão ser apresentados após a publicação do acórdão.

E só depois de esgotados todos os recursos é que os condenados podem ser presos.

"Não tem previsão, porque depende da liberação dos outros ministros", disse o presidente a jornalistas, após participar de cerimônia de abertura dos trabalhos no Legislativo.

"Os votos de todos eles têm de estar juntos para formar o acórdão", explicou, acrescentando que deve publicar nesta semana apenas a ementa e os seus votos.

Dentre os condenados estão ex-dirigentes do PT e ministros do governo Lula. O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e o ex-presidente da legenda José Genoino --atualmente, deputado por São Paulo-- estão entre os condenados.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)