5 de Fevereiro de 2013 / às 15:07 / em 5 anos

Sem acordo, votação de Orçamento fica para depois do Carnaval

Senador Renan Calheiros fala durante sessão de votação para eleger novo presidente do Senado no Congresso Nacional, em Brasília. A votação da proposta de Orçamento de 2013 e de vetos presidenciais, que incluem a nova fórmula de distribuição de royalties do petróleo, ficará para depois do Carnaval por falta de acordo, afirmaram parlamentares. 01/02/2013 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA, 5 Fev (Reuters) - A votação da proposta de Orçamento de 2013 e de vetos presidenciais, que incluem a nova fórmula de distribuição de royalties do petróleo, ficará para depois do Carnaval por falta de acordo, afirmaram parlamentares.

“Não tem a menor condição, nem o Congresso vai ser convocado mais hoje. Nem hoje, nem amanhã. Não tem acordo”, disse o senador Walter Pinheiro (PT-BA).

A votação da peça orçamentária, que não foi apreciada pelo Parlamento em dezembro, estava prevista para esta terça-feira.

A não votação limita a aplicação dos recursos federais, o que obrigou a presidente Dilma Rousseff a editar uma medida provisória no ano passado liberando recursos para os primeiros meses de 2013.

Por Maria Carolina Marcello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below