Polícia lança gás lacrimogêneo para dispersar manifestantes na Tunísia

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013 13:40 BRST
 

TÚNIS, 7 Fev (Reuters) - A polícia tunisiana lançou gás lacrimogêneo para dispersar centenas de jovens que protestavam na cidade de Gafsa, no sul do país, contra o assassinato do líder da oposição Chokri Belaid na quarta-feira, informaram testemunhas à Reuters.

"Centenas protestavam contra o assassinato de Belaid, mas o protesto se transformou em confrontos. A polícia disparou gás lacrimogêneo, enquanto manifestantes atiravam pedras e entoavam palavras de ordem", contou o morador de Gafsa Ahmed Issaoui, na quinta-feira.

(Reportagem de Tarek Amara)

 
Cidadãos tunisianos fogem de gás lacrimogênio lançado pela polícia durante uma manifestação na cidade de Tunis. A polícia lançou gás lacrimogêneo para dispersar centenas de jovens que protestavam na cidade de Gafsa, no sul do país, contra o assassinato do líder da oposição Chokri Belaid na quarta-feira, informaram testemunhas à Reuters. 07/02/2013 REUTERS/Louafi Larbi