Pistorius e namorada tinham planos para o futuro

sábado, 16 de fevereiro de 2013 15:07 BRST
 

JOHANESBURGO (Reuters) - O atleta sul-africano Oscar Pistorius tinha planos para o futuro com a namorada Reeva Steenkamp, que ele é acusado de ter matado a tiros a sangue frio esta semana, disse seu tio neste sábado.

"Estamos totalmente em estado de choque - primeiro com a morte trágica de Reeva, que todos chegamos a conhecer e querer muito bem nos últimos meses", declarou Anthony Pistorius em um comunicado divulgado pelo agente de seu sobrinho.

"Eles tinham planos, e fazia muito tempo que não via Oscar tão feliz com sua vida pessoal", afirmou.

Na sexta-feira, Pistorius, de 26 anos, foi acusado de matar Steenkamp nas primeira horas do dia anterior. Ele irrompeu em lágrimas durante uma audiência num tribunal de Pretoria, mas não lhe foi solicitado que se declarasse.

Os promotores alegam que o tiroteio foi premeditado - acusação que poderia levar Pistorius à prisão perpétua se ele for condenado.

Anthony Pistorius reiterou a crença familiar de que o corredor duplamente amputado, que se tornou um dos maiores nomes do atletismo, não atirou deliberadamente em Steenkamp, uma modelo de 30 anos. Relatos iniciais indicam que ele pode ter confundido Steenkamp com um invasor.

(Por Ed Cropley)

 
O sul-africano Oscar Pistorius (centro) é escoltado pela polícia em Pretoria, África do Sul. 15/02/2013 REUTERS/Siphiwe Sibeko