Lucro do BNDES cai 9,6% em 2012, para R$8,2 bi

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 14:59 BRT
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) teve lucro de 8,2 bilhões de reais em 2012, queda de 9,6 por cento ante ano anterior, informou nesta segunda-feira a instituição de fomento, citando fraco desempenho das bolsas de valores e instabilidade dos mercados financeiros.

Segundo o banco, a queda no lucro também pode ser atribuída em parte a uma forte base de comparação com 2011, quando a instituição registrou receita não recorrente de 881 milhões de reais com recuperação de créditos, enquanto em 2012 houve despesa de 320 milhões de reais com provisão para risco de crédito.

A provisão ocorreu em meio a um crescimento de 26 por cento nas operações de crédito e repasse (renda fixa), que somaram 9,5 bilhões de reais.

Os desembolsos, conforme o banco anunciou no final de janeiro, somaram 156 bilhões de reais e cresceram 12 por cento sobre 2011. O BNDES informou que os recursos foram distribuídos em 990 mil operações, para 261 mil pessoas físicas e jurídicas, números recordes.

As operações de renda variável, que têm historicamente contribuído de forma expressiva para o lucro do Sistema BNDES, refletiram em 2012 o impacto da crise financeira nas empresas nas quais o banco tem participação.

No exercício de 2012, houve redução de 4,2 bilhões de reais no resultado bruto de renda variável, que somou, aproximadamente, quase 1 bilhão de reais. Em 2011, o resultado foi de 5,2 bilhões.

O BNDES registrou uma inadimplência de 0,06 por cento em 2012, o mais baixo da história do banco e abaixo dos 0,14 por cento de dezembro de 2011.

O índice de Basileia do banco terminou 2012 em 15,4 por cento, acima dos 11 por cento exigidos pelo Banco Central.

Os ativos totais do sistema BNDES somaram 715,5 bilhões de reais no ano passado, crescimento de 14,5 por cento sobre 2011. O saldo da carteira de crédito e repasse atingiu 492,1 bilhões de reais, dos quais 79,5 por cento correspondiam a créditos de longo prazo.

O braço de participações da instituição, BNDESPar, teve lucro de 298 milhões de reais em 2012, sofrendo impactos com queda na receita de proventos, em especial dividendos, redução no resultado de equivalência patrimonial e provisões para perda de valor de ativos em empresas da carteira da empresa.

(Por Diogo Ferreira Gomes)