Projeções dão leve vantagem para centro-esquerda em câmara baixa da Itália

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013 17:33 BRT
 

ROMA, 25 Fev (Reuters) - A coalizão de centro-esquerda da Itália tem uma ligeira vantagem sobre a centro-direita do ex-primeiro-ministro Silvio Berlusconi na eleição para a câmara baixa do Parlamento, indicaram projeções de três emissoras de TV nesta segunda-feira.

Uma projeção da Mediaset mostrou o grupo de centro-esquerda liderado por Pier Luigi Bersani ficando com 29,6 por cento da câmara baixa, a centro-direita com 28,2 por cento, o Movimento 5 Estrelas com 26 por cento e o bloco centrista de Mario Monti com 10,8 por cento.

Já a Sky Italia coloca a centro-esquerda com 30,9 por cento, seguida da centro-direita com 27,7 por cento, o 5 Estrelas com 25,6 por cento e os centristas com 10,4 por cento.

Numa terceria projeção, o canal de TV La7 mostrou a centro-esquerda com 29,2 por cento, a centro-direita com 28,3 por cento, o 5 Estrelas com 26,4 por cento e o bloco de Monti com 10,9 por cento.

O partido ou coalizão que conquistar a maioria dos votos para a câmara baixa conquista automaticamente uma maioria de 340 cadeiras na Casa de 630, mas qualquer governo precisa ter também a maioria no Senado, uma disputa decidida regionalmente.

Projeções indicam que a centro-direita está liderando no Senado, mas que nenhuma coalizão deve ter assentos suficientes para conseguir formar uma maioria na câmara alta.

(Reportagem de Naomi O'Leary)