Casa Branca deve pedir bilhões ao Congresso para recuperação pós-Sandy

quarta-feira, 28 de novembro de 2012 08:41 BRST
 

Por David Lawder e Ian Simpson

WASHINGTON, 28 Nov (Reuters) - A Casa Branca deve enviar ao Congresso dos EUA nos próximos dias um pedido de vários bilhões de dólares para financiar a recuperação após a passagem da supertempestade Sandy, que causou danos de cerca de 71 bilhões de dólares em Nova York e Nova Jersey.

Fontes do Congresso disseram que não há indicação clara do tamanho do pedido, mas alguns disseram que provavelmente será de pelo menos 11 bilhões de dólares.

O fundo de alívio a desastres da Agência Federal de Gestão de Emergência (Fema, na sigla em inglês) teve acesso a cerca de 7,8 bilhões dólares conforme Sandy atingiu a Costa Leste dos EUA em 29 de outubro, causando destruição generalizada no litoral de Nova York e Nova Jersey.

Parlamentares e analistas disseram que o Congresso terá de reforçar o endividado Programa Nacional de Seguros para Enchentes em face de pagamentos que chegam a 12 bilhões decorrentes de Sandy, classificado como o segundo pior desastre na história dos EUA.

O líder da maioria no Senado dos EUA, Harry Reid, quando perguntado sobre o pedido de financiamento adicional pós-Sandy, disse: "Bem, nós não podemos fazer nada com o pacote de ajuda de desastres até chegar algo da Casa Branca, e me disseram que estará tão logo quanto amanhã ou no dia seguinte."

Os legisladores de ambos os partidos expressaram apoio para a prestação de socorro adicional após a passagem de Sandy, mas um pedido grande de financiamento do presidente Barack Obama poderia ser prejudicial para as já tensas negociações sobre o aumento de impostos e cortes de gastos automáticos no fim do ano.

Uma autoridade da Casa Branca disse que o governo já direcionou mais de 1,9 bilhão para financiar a reação à supertempestade e para esforços de recuperação. Isto inclui 960 milhões dólares em assistência direta aos indivíduos afetados por Sandy.

Na segunda-feira, o governador de Nova York, Andrew Cuomo disse que o Estado precisará de 41,9 bilhões de dólares, incluindo 32,8 bilhões dólares para os custos de assistência e reparos de danos e outros 9,1 bilhões dólares para mitigar o dano potencial de tempestades futuras.

Nova Jersey sofreu perdas totais de pelo menos 29,4 bilhões, disse o governador Chris Christie, na sexta-feira.

(Reportagem adicional de Jeff Mason)