Presidente egípcio pode adiar referendo sobre Constituição, diz TV

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012 17:37 BRST
 

CAIRO, 7 Dez (Reuters) - O vice-presidente egípcio, Mahmoud Mekky, disse nesta sexta-feira que o presidente estaria pronto para adiar um referendo sobre o projeto de uma nova Constituição, criticado pela oposição liberal, se puder ser feito de uma forma que evite contestações judiciais.

Seus comentários foram transmitidos pela emissora de TV egípcia privada CBC.

Uma das exigências da oposição ao presidente do país, Mohamed Mursi, é que ele suspenda o referendo sobre uma Constituição que ele apoiou por meio de uma assembleia dominada por islâmicos, que seria então levada a referendo no dia 15. A oposição também listou outras condições para participar de um diálogo nacional com Mursi.

(Reportagem de Yasmine Saleh)