Venezuelanos esperam transparência sobre estado de saúde de Chávez

quarta-feira, 12 de dezembro de 2012 16:26 BRST
 

Por Andrew Cawthorne

CARACAS, 12 Dez (Reuters) - Venezuelanos aguardavam ansiosamente na quarta-feira por mais detalhes sobre a condição de saúde do presidente Hugo Chávez em Cuba depois da realização de uma cirurgia contra um câncer considerada bem-sucedida pelo governo, mas ainda cercada de sigilo.

Simpatizantes do presidente fizeram vigílias por todo o país, assim como opositores desejaram que o líder socialista de 58 anos tivesse uma boa recuperação.

"Pedimos a Deus que abençoe o comandante Chávez para que ele fique melhor a cada dia e termos o prazer de vê-lo em casa mais cedo e não mais tarde", disse o vice-presidente venezuelano, Nicolas Maduro, indicado por Chávez como possível sucessor caso ele fique incapacitado.

Os riscos são enormes --não apenas para a liderança do país que tem as maiores reservas de petróleo do mundo, mas também para os aliados da América Latina e do Caribe que dependem dos generosos subsídios de petróleo de Chávez e de outros auxílios.

O governo comunista do presidente Raúl Castro em Cuba está especialmente vulnerável, em razão de sua dependência dos mais de 100 mil barris de petróleo por dia da Venezuela.

Após 14 anos de acrimônia com Chávez, o governo norte-americano também observa atentamente a situação.

POSSÍVEL SUCESSÃO

O governo da Venezuela anunciou que a operação feita na terça-feira com seis horas de duração terminou "corretamente e com sucesso". É a quarta cirurgia de Chávez em Havana desde meados de 2011 para combater um câncer recorrente na região pélvica.   Continuação...

 
Um partidário do presidente venezuelano Hugo Chávez beija um cartaz com sua foto após uma missa pedindo por sua saúde e recuperação na embaixada da Venezuela na Cidade do Panamá. 12/12/2012 REUTERS/Stringer