Polícia contesta informação sobre morte de irmão de atirador

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012 19:58 BRST
 

NOVA YORK, 14 Dez (Reuters) - A polícia de Nova Jersey contestou uma reportagem nesta sexta-feira que informava que um irmão do suspeito de atirar contra alunos e funcionários de uma escola no Estado norte-americano de Connecticut havia sido encontrado morto em Hoboken, Nova Jersey.

A CNN informou que autoridades fizeram uma busca na casa em Nova Jersey depois do tiroteio na escola primária Sandy Hook, em Newtown, Connecticut, realizado por um homem fortemente armado que abriu fogo contra estudantes e funcionários.

O capitão da polícia James Fitzsimmons disse que não foi encontrado em Hoboken nenhum corpo relacionado ao tiroteio de Connecticut.

Entre os mortos em Connecticut está a mãe do atirador, que era professora na escola Sandy Hook, segundo autoridades.