Scuds sírios caem perto da fronteira turca, diz Otan

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012 20:28 BRST
 

BRUXELAS, 14 Dez (Reuters) - Vários mísseis Scud disparados contra rebeldes da Síria caíram "bastante perto" da fronteira com a Turquia, disse o mais graduado comandante militar da Otan, justificando o envio de sistemas antiaéreos Patriot para a Turquia.

As declarações do almirante norte-americano James Stavridis, publicadas em um blog, foram a primeira confirmação da queda de mísseis Scud perto do território da Turquia, que é um país integrante da Otan.

Stravridis também descreveu a situação na Síria como "caótica e perigosa".

Na quarta-feira, autoridades dos EUA e da Otan disseram que as forças do governo sírio, há 20 meses reprimindo uma rebelião armada, haviam disparado mísseis tipo Scud contra os insurgentes nos últimos dias.

"Nos últimos dias, um punhado de mísseis Scud foi lançado dentro da Síria, direcionados pelo regime contra alvos da oposição. Vários caíram bastante perto da fronteira turca, o que é muito preocupante", escreveu Stavridis.

A Síria negou na quinta-feira que use mísseis Scud na luta contra o que chama de "grupos terroristas".

(Reportagem de Adrian Croft)