Arquivos secretos revelam contatos de Thatcher e Reagan

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012 10:13 BRST
 

Por Alessandra Prentice

LONDRES, 28 Dez (Reuters) - A ex-primeira-ministra da Grã-Bretanha Margaret Thatcher escreveu uma carta emotiva ao então presidente dos EUA Ronald Reagan durante a Guerra das Malvinas, em 1982, dizendo ser ele a "única pessoa" que podia entendê-la, de acordo com documentos até então secretos divulgados nesta sexta-feira.

Os arquivos revelados removem o mistério sobre os contatos entre os dois líderes durante a crise e revelam a extensão da pressão que Thatcher sentiu quando a Argentina invadiu o arquipélago do Atlântico Sul para reivindicar o que considera ser seu território soberano, provocando a guerra de dez semanas.

Em um arquivo, a dura e franca Thatcher qualificou os momentos que antecederam a reação à invasão argentina como os "piores, acho, que da minha vida", enquanto cartas dela na época a Reagan mostram sua confiança no presidente dos EUA e a estreita relação de trabalho entre os dois.

"Estou escrevendo a você em separado, porque acho que você é a única pessoa que vai entender o significado do que estou tentando dizer", disse Thatcher a Reagan, em uma carta, afirmando que os princípios da democracia, liberdade e justiça estavam em jogo.

A Grã-Bretanha viveu um momento de suspense quando Thatcher enviou uma força-tarefa naval para as ilhas Malvinas, chamadas de Falklands pelos britânicos, após a invasão argentina. Apesar de perder vários navios de guerra, os britânicos finalmente recuperaram o arquipélago do Atlântico Sul 74 dias depois. Na guerra morreram 649 argentinos e 255 soldados britânicos.

De modo geral, os arquivos mostram que Thatcher destacou a relação especial entre Grã-Bretanha e EUA quando pediu a ajuda de Reagan em uma carta na qual termina assinando "com um abraço pessoal, Margaret".

"Eu também acredito que a amizade entre os Estados Unidos e a Grã-Bretanha importa muito para o futuro do mundo livre", escreveu ela.

Mantidos em segredo por 30 anos, os arquivos revelam manobras políticas de Thatcher durante outros eventos em 1982, incluindo a guerra Irã-Iraque, a imposição do regime militar na Polônia e a invasão israelense do Líbano.   Continuação...

 
Ex-primeira-ministra do Reino Unido Margaret Thatcher escreveu carta emotiva ao então presidente dos Estados Unidos Ronald Reagan durante a Guerra das Malvinas. 01/11/2010 REUTERS/Andrew Winning