Secretária de Estado dos EUA recebe alta de hospital em Nova York

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013 21:49 BRST
 

NOVA YORK, 2 Jan (Reuters) - A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, recebeu alta de um hospital em Nova York nesta quarta-feira após tratar um coágulo sanguíneo numa veia atrás de sua orelha direita, e seus médicos esperam que ela tenha uma total recuperação, afirmou o porta-voz do Departamento de Estado.

"Sua equipe médica disse que ela está tendo um bom progresso em todas a frentes e que está confiante de que ela terá uma recuperação total", disse Philippe Reines em comunicado.

"Ela está ansiosa para voltar ao gabinete", disse ele.

Mais cedo nesta quarta-feira, a porta-voz do Departamento de Estado Victoria Nuland disse que Hillary conversou com sua equipe por telefone e recebeu memorandos.

Hillary também falou com duas autoridades estrangeiras --o enviado da ONU à Síria e o primeiro-ministro do Catar-- no sábado, um dia antes de o Departamento de Estado revelar o coágulo de sangue e sua internação no Hospital Presbiteriano de Nova York.

"Ela tem sido bastante ativa no telefone com a equipe e tem recebido documentos, etc", disse a porta-voz.

Na noite de domingo foi anunciado que a secretária de Estado estava internada em um hospital de Nova York para tratamento de um coágulo originado após uma concussão ocorrida em meados de dezembro.

A concussão foi resultado de uma doença anterior, descrita pelo Departamento de Estado como infecção estomacal contraída em uma viagem para a Europa, que provocou desidratação e desmaios quando ela voltou para os Estados Unidos.

(Reportagem de Arshad Mohammed)