EUA fazem homenagem à memória de Martin Luther King Jr

segunda-feira, 21 de janeiro de 2013 16:00 BRST
 

WASHINGTON, 21 Jan (Reuters) - Os Estados Unidos honraram a memória do Dr. Martin Luther King Jr. nesta segunda-feira realizando homenagens e cerimônias comemorativas, com multidões esperadas em eventos em Atlanta, cidade natal do líder de direitos civis assassinado.

Com a posse do presidente norte-americano, Barack Obama, no mesmo dia do feriado nacional que marca o nascimento de King, entre os muitos eventos está uma chamada festa da vigília na Igreja Batista Ebenezer de Atlanta, com os eventos de Washington sendo exibidos em uma tela gigante.

Uma cerimônia na igreja histórica marca os 50 anos que se passaram desde o discurso "Eu Tenho um Sonho" de King, que ele fez em Washington em 1963, disseram organizadores. O principal orador na cerimônia era o reverendo Samuel Rodriguez, presidente da Conferência Nacional de Liderança Cristã Hispânica.

King e o pai dele, o reverendo Martin Luther King Sr., eram pastores na Igreja Batista Ebenezer. Ela fica na histórica Avenida Auburn de Atlanta, perto do King Center, estabelecido em 1968 por Coretta Scott King, viúva do ativista assassinado. Na avenida, não muito longe da igreja, está a casa dos avós de King, onde ele nasceu em 1929.

King, que liderou a luta pelos direitos civis do país e recebeu o prêmio Nobel da Paz em 1964, foi assassinado em 1968 em Memphis, Tennessee, aos 39 anos.

No resto do país, onde o Dia Martin Luther King é feriado nacional desde 1986, bancos, mercados financeiros e prédios públicos permanecem fechados.

(Reportagem de Ellen Wulfhorst)

 
Casal é visto em frente a foto de Martin Luther King Jr. na fachada do Museu Nacional de História e Cultura Afro-Americana em Washington, em 2012. Os Estados Unidos honraram a memória de Luther King nesta segunda-feira realizando homenagens e cerimônias comemorativas, com multidões esperadas em eventos em Atlanta, cidade natal do líder de direitos civis assassinado. 22/02/2012 REUTERS/Kevin Lamarque