27 de Fevereiro de 2013 / às 14:22 / 4 anos atrás

Italiano Grillo diz estar pronto a apoiar leis, mas não vota pelo governo

Líder do Movimento 5 Estrelas e comediante Beppe Grillo fala com a mídia depois de votar em seção eleitoral, em Genoa, na Itália. O líder populista disse que apoiaria medidas individuais no Parlamento, mas não daria um voto de confiança a qualquer governo liderado por partidos tradicionais. 25/02/2013Giorgio Perottino

ROMA, 27 Fev (Reuters) - O líder populista Beppe Grillo disse nesta quarta-feira que seu Movimento 5 Estrelas apoiaria medidas individuais no Parlamento, mas não daria um voto de confiança a qualquer governo liderado por partidos tradicionais.

Grillo disse no Twitter que o 5 Estrelas "não vai dar qualquer voto de confiança ao Partido Democrático (centro-esquerda) ou qualquer outra pessoa, mas vai votar na Câmara a favor das leis que refletem o seu programa".

O partido de centro-esquerda ganhou a maioria dos assentos no Parlamento, mas é bem menos do que uma maioria para governar.

O líder democrata Pier Luigi Bersani reagiu com cautela sobre o partido de Grillo, que obteve grande apoio, principalmente votos de protesto.

Mas o líder do 5 Estrelas mencionou Bersani em seu blog como "um homem morto falando", sugerindo que qualquer acordo será difícil.

Reportagem de Barry Moody

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below