1 de Setembro de 2014 / às 16:58 / 3 anos atrás

HRT terá que devolver 2 blocos no Solimões à União por descumprir prazos, diz ANP

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A petroleira HRT terá que devolver dois blocos na Bacia do Solimões à União, por não cumprir etapas acordadas com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), informou a autarquia à Reuters.

Os blocos em segunda fase exploratória, que tiveram seus contratos extintos e terão que ser devolvidos, são o SOL-T-148 e o SOL-T-149.

Em janeiro, a petroleira entrou com pedido de prorrogação ou suspensão do segundo período exploratório dos dois ativos. Entretanto, a ANP indeferiu o pedido e manteve o prazo final para o cumprimento dessa etapa fixado em 5 de maio de 2014.

A HRT recorreu da decisão da autarquia, o que foi negado pela agência em reunião de diretoria do mês passado.

“Com a resolução, houve extinção do contrato, o que resulta em devolução dos blocos”, disse a ANP à Reuters, por meio da assessoria de imprensa.

A HRT preferiu não comentar o assunto, após ter sido procurada.

A HRT e a russa Rosneft são sócias em ativos no Solimões.

Por acordo assinado em março deste ano, a Rosneft ficou com participação majoritária de 51 por cento nos ativos, sendo operadora.

Por Marta Nogueira

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below