29 de Janeiro de 2015 / às 22:29 / 3 anos atrás

Wall Street fecha em alta acompanhando recuperação do preço do petróleo

NOVA YORK (Reuters) - O mercado acionário dos Estados Unidos teve um rali no fim da tarde desta quinta-feira, com uma alta nos preços do petróleo e o avanço das ações da Apple e da Boeing ajudando a ofuscar alguns balanços decepcionantes e questões sobre a política monetária norte-americana.

O índice Dow Jones subiu 1,31 por cento, a 17.416 pontos, enquanto o S&P 500 teve ganho de 0,95 por cento, a 2.021 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq subiu 0,98 por cento, a 4.683 pontos.

O S&P 500 chegou a cair 0,6 por cento mais cedo, influenciado pelo setor de energia, mas reverteu o rumo acompanhando os preços do petróleo.

Apesar de o aumento nos preços do petróleo durante a tarde não ter sido enorme, foi o suficiente para animar o mercado depois de dois dias fracos, disse o diretor da Charles Schwab Randy Frederick.

"Tecnicamente, o mercado estava um pouco vendido, então, estávamos em boa posição para um retorno e só precisávamos de um pouco de notícias positivas para desencadear um rali à tarde", disse.

O mercado tem avançado e recuado dentro de uma faixa de 200 a 300 pontos há algum tempo com os operadores lidando com balanços bons e ruins, um dólar forte e fracos preços do petróleo e incertezas sobre quando as taxas de juros dos Estados Unidos vão subir, disse o chefe de estruturas de mercados do Bright Trading Dennis Dick.

Ações da Harman International subiram 23,8 por cento, tornando-se a maior alta percentual no S&P depois que a empresa superou as expectativas de lucro e de receita.

No entanto, as ações gigante chinesa de Internet Alibaba caíram 8,8 por cento, após a receita ficar abaixo das expectativas. Os papéis da Qualcomm caíram 10,3 por cento depois a empresa cortou suas projeções para 2015.

As ações da Apple fecharam em alta de 3,1 por cento e as da Boeing subiram 5,8 por cento.

Apoiando o desempenho positivo, dados mostraram que os pedidos iniciais de seguro-desemprego nos EUA caíram para o patamar mais baixo em quase 15 anos, em mais um sinal de fortalecimento do mercado de trabalho.

Os investidores também continuaram a digerir o comunicado do Federal Reserve de quarta-feira, que não trouxe muita clareza sobre quando a taxa de juros começará a subir.

O setor de energia terminou em alta de 0,17 por cento com o petróleo nos EUA revertendo a perda e fechando a 44,53 dólares, em alta de 0,08 dólar.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below