1 de Janeiro de 2017 / às 16:28 / em um ano

Economia da Espanha pode ter crescido mais de 3,2% em 2016, diz ministro

MADRI (Reuters) - O crescimento econômico da Espanha pode ter ultrapassado os 3,2 por cento estimados oficialmente pelo governo para 2016, disse o ministro da Economia, Luis de Guindos, em entrevista a uma rádio neste domingo.

Uma retomada nos gastos dos consumidores, guiada por uma recuperação nos empregos, ajudou a Espanha a continuar a crescer após uma profunda recessão, embora ainda sob altos índices de desemprego e incerteza política.

De Guindos disse à rádio Cadena Ser que a economia no último ano deve ter crescido acima dos níveis de 2015. A projeção oficial de crescimento do governo para os anos de 2015 e 2016 era de 3,2 por cento.

“Neste momento nossas estimativas são de que o crescimento pode ter sido maior em 2016 do que em 2015”, afirmou.

Ele projetou que a inflação, que subiu em dezembro com a alta nos preços do petróleo, deverá ficar ao redor de 1 por cento em 2017.

A Espanha levou 10 meses para formar um governo em 2016, após duas eleições inconclusivas, antes de o antes líder conservador Mariano Rajoy ser reconduzido para um segundo mandato como primeiro-ministro em outubro.

Por Sarah White

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below