2 de Janeiro de 2017 / às 12:35 / em um ano

Ibovespa recua com ajustes a ADRs e sem referência de Wall St

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa recuava mais de 1 por cento na manhã desta segunda-feira, na primeira sessão do ano, em meio a ajustes ao movimento de ADRs na última sexta-feira, quando os pregões em Nova York funcionaram e a bolsa paulista não operou.

Traders trabalham na BM&F Bovespa, no centro de São Paulo. 24/05/2016 REUTERS/Paulo Whitaker

O dia deve ser de liquidez reduzida, sem a referência de mercados importantes, como Wall Street e Londres, que seguem fechados por feriado do Ano Novo.

Às 10:30, o Ibovespa recuava 1,3 por cento, a 59.423 pontos, com todos os papéis em queda. O volume financeiro era de 142 milhões de reais.

De acordo com o gestor Marco Tulli Siqueira, da mesa de operações de Bovespa da Coinvalores, os ajustes nas ADRs (recibo de ação negociado nos Estados Unidos) são restritos.

“Com o volume fraco, sem estrangeiros, esse ajuste é limitado”, afirmou. Ele não descartou uma recuperação durante a sessão e avalia que o dia deve ter baixa volatilidade e volume de negócios reduzido.

DESTAQUES

- PETROBRAS PN e PETROBRAS ON caíam 1,5 e 1,2 por cento, respectivamente, após recuo de mais de 2 por cento dos respectivos ADRs na última sexta-feira em Nova York.

- VALE PNA e VALE ON perdiam 1,7 e 1,8 por cento, respectivamente. Os ADRs dos papéis preferenciais da mineradora cederam 3,6 por cento e dos ordinários caíram 3,7 por cento na sexta-feira.

- ITAÚ UNIBANCO recuava 1,3 por cento, também sofrendo algum ajuste ao recuo dos seus recibos de ação negociados nos Estados Unidos, assim como BRADESCO, que cedia 1,4 por cento.

- BANCO DO BRASIL tinha declínio de 1 por cento. O conselho de administração do banco nomeou na última sexta-feira quatro novos vice-presidentes para completar o mandato do triênio 2016-2019, realizando mudanças no comando as áreas de Negócios de Varejo; Controles Internos e Gestão de Riscos; Gestão Financeira e Relações com Investidores; Governo; e Distribuição de Varejo e Gestão de Pessoas.

- BB SEGURIDADE ON tinha queda de 1,5 por cento. O conselho de administração da empresa, que reúne as participações do Banco do Brasil em seguros e previdência, elegeu, em reunião extraordinária na última sexta-feira, o vice-presidente de Gestão Financeira e Relações com Investidores do Banco do Brasil, José Maurício Pereira Coelho, como novo diretor-presidente da companhia.

- ELETROBRAS ON perdia 1,45 por cento. A ação começa o ano de volta à carteira teórica do Ibovespa.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below