8 de Janeiro de 2017 / às 16:27 / 9 meses atrás

BB eleva provisão de perda com inadimplência em 2016 e corta previsão para receita com tarifas

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco do Brasil revisou parcialmente o guidance de 2016 em função do crescimento menor que o esperado das receitas com tarifas no quarto trimestre do ano e da decisão de reforçar, de forma preventiva, a provisão para risco de crédito de alguns grupos empresariais, segundo comunicado.

O banco reduziu a previsão de aumento das receitas com tarifas para 6 a 7 por cento, de 7 a 11 por cento na projeção anterior.

Já a provisão para créditos de liquidação duvidosa passou para 4,5 a 4,6 por cento, acima da faixa de 4 a 4,4 por cento estimada anteriormente.

O BB ainda reduziu a previsão da rentabilidade sobre patrimônio líquido ajustado do ano passado para 7 a 8 por cento, abaixo do intervalo anterior de 8 a 10 por cento.

“O crescimento das tarifas de conta corrente, administração de fundos e produtos de seguridade alcançado no ano, não será suficiente para neutralizar o baixo desempenho de algumas linhas de serviços, em especial, as rendas com operações de crédito”, informou o banco no documento.

As demais projeções para 2016 foram mantidas, segundo o comunicado.

Por Gabriela Mello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below