18 de Janeiro de 2017 / às 18:31 / em 8 meses

Índices europeus têm leves variações após Pearson cortar perspectiva de lucro

LONDRES (Reuters) - Os mercados acionários europeus fecharam com leves variações nesta quarta-feira, com investidores de olho em lucros corporativos enquanto mais dúvidas emergiram sobre se o rali disparado pela vitória de Donald Trump como presidente dos Estados Unidos continuaria.

O índice FTSEurofirst 300 das principais ações europeias fechou com alta de 0,26 por cento, aos 1.433 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 subiu 0,18 por cento, a 363 pontos, acumulando ganhos de quase 10 por cento nos últimos dois meses.

Do lado negativo, ficaram as ações da Pearson, que despencaram quase 30 por cento. A maior empresa de educação do mundo cortou suas perspectivas de lucro para os próximos dois anos e informou que teria que redefinir seu dividendo de 2017 e vender ativos para levantar dinheiro para investimentos em novas tecnologias.

Já as ações da ASML avançaram 6,73 por cento, atingindo a máxima histórica depois de seu lucro superar as previsões.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,38 por cento, a 7.247 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,51 por cento, a 11.599 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,13 por cento, a 4.853 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,32 por cento, a 19.358 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,09 por cento, a 9.386 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,18 por cento, a 4.605 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below