14 de Fevereiro de 2017 / às 09:04 / 6 meses atrás

Inflação ao consumidor da China acelera a 2,5% em janeiro e supera expectativas

PEQUIM (Reuters) - A inflação ao consumidor da China acelerou para 2,5 por cento em janeiro na comparação com o ano anterior, nível mais alto desde maio de 2014 que superou as expectativas do mercado.

Analistas consultados pela Reuters projetavam que o índice de preços ao consumidor subiria 2,4 por cento, maior alta em quase três anos, contra 2,1 por cento em dezembro.

A inflação ao produtor acelerou para 6,9 por cento, informou nesta terça-feira a Agência Nacional de Estatísticas, contra alta de 5,5 por cento no mês anterior.

A alta do índice de preços ao produtor foi a maior desde agosto de 2011. O mercado esperava avanço de 6,3 por cento na comparação anual.

As expectativas de inflação têm subido na maioria das economias desenvolvidas, exceto no Japão, desde meados de 2016 em linha com uma recuperação global da indústria, que vem impulsionando os preços do petróleo e de outras matérias-primas como minério de ferro.

Isso tem provocado discussões sobre uma política monetária mais apertada, embora acredite-se que a inflação ao consumidor na China ainda esteja dentro da zona do conforto do banco central.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below