15 de Fevereiro de 2017 / às 14:03 / em 10 meses

Bovespa sobe em sessão majoritarimente positiva e marcada por vencimentos

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa subia nesta quarta-feira, em sessão amplamente positiva, com os ganhos de ações de bancos entre as principais influências benignas.

O pregão, contudo, era marcado ainda por vencimento de opções sobre o Ibovespa e do índice futuro, o que pode trazer mais volatilidade aos negócios.

Às 11:55, o Ibovespa subia 0,65 por cento, a 67.146 pontos. O giro financeiro era de 1,6 bilhão de reais.

O exterior contribuía para o tom favorável, com o mercado acionário europeu em alta e Wall Street sinalizando uma abertura no azul, apesar da queda nos preços do petróleo.

As declarações da véspera da chair do Federal Reserve, Janet Yellen, reforçando que uma alta de juros nos Estados Unidos deve vir em uma das próximas reuniões, ajudaram a dar fôlego aos mercados acionários no exterior e reforçaram a visão de que a economia norte-americana está ganhando fôlego.

No cenário interno, o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu na tarde de terça-feira manter Moreira Franco como ministro, garantindo a prerrogativa de foro privilegiado.

“Foi uma vitória política importante do presidente (Michel) Temer, concorde-se ou não com a decisão do STF”, escreveram analistas da corretora Guide Investimentos, em nota a clientes.

Ainda no front local, o andamento das reformas segue no radar dos investidores, após o relator da proposta de mudanças da Previdência, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA), retirar do seu cronograma as datas que havia previamente estipulado, mantendo, no entanto, a expectativa informal de apresentar seu parecer no dia 16 de março.

DESTAQUES

- ITAÚ UNIBANCO subia 1,18por cento, enquanto BRADESCO PN avançava 0,65 por cento, em sessão positiva para o setor bancário como um todo e respaldando.

- PETROBRAS PN operava em leve baixa, de 0,13 por cento, PETROBRAS ON caia 0,36 por cento, acompanhando o movimento dos preços do petróleo no mercado internacional, que caíam após m relatório do setor mostrar aumento nos estoques de petróleo dos Estados Unidos.

- VALE PNA oscilava perto da estabilidade, oscilando entre os terrenos positivo e negativo, enquanto VALE ON subia 0,29 por cento, apesar do recuo nos preços do minério de ferro na China nesta sessão. No radar estava ainda a expectativa por desinvestimentos da empresa. Mais cedo a Reuters noticiou, segundo fontes, que a Vale retomou a busca de um comprador para quatro usinas de fertilizantes que não foram incluídas em uma venda de 2,5 bilhões de dólares à Mosaic.

- CSN avançava 2 por cento, USIMINAS subia 1,28 por cento e GERDAU tinha alta de 1,67 por cento, apesar da baixa nas commodities metálicas na China.

- BM&FBOVESPA tinha ganhos de 0,37 por cento. Como pano de fundo estava a expectativa de aquecimento nas ofertas de ações após os acionistas da Log Commercial Properties, unidade de gestão de espaços comerciais da MRV, aprovarem o pedido de registro para oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). Também no radar estava o desenrolar do julgamento no Carf sobre o uso de ágio no processo de fusão, após nova liminar suspendendo o julgamento.

- GOL, que não faz parte do Ibovespa, tinha valorização de 5,6 por cento, após acordo para arrendamento de cinco aeronaves Boeing 737 MAX 8 com a irlandesa Awas, num contrato de 550 milhões de dólares.

Para ver as maiores altas do Ibovespa, clique em

Para ver as maiores baixas do Ibovespa, clique em

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below