16 de Fevereiro de 2017 / às 13:51 / 8 meses atrás

Ibovespa sobe em sessão com resultados de BB e Smiles no foco

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa operava no azul nesta quinta-feira, acima dos 68 mil pontos, tendo as ações da Smiles entre as maiores altas após forte resultado trimestral e tendo no radar o intenso noticiário corporativo.

Banco do Brasil, que chegou a liderar as perdas no começo da sessão após resultado fraco no quarto trimestre de 2016, também figurava na ponta positiva em meio a comentários de executivos do banco sobre rentabilidade.

Às 11:47, o Ibovespa subia 0,43 por cento, a 68.270 pontos, após uma abertura mais fraca. O giro financeiro era de 1,75 bilhão de reais.

O tom positivo no pregão ganhava respaldo na aprovação pela Câmara dos Deputados, na noite passada, do projeto para uma nova rodada de regularização de ativos mantidos ilegalmente no exterior, que rendeu mais de 45 bilhões de reais ao governo no ano passado.

Segundo operadores, a medida é bem recebida uma vez que pode levar a mais recursos direcionados ao mercado de capitais.

O mercado também monitora novo desdobramento da operação da Lava Jato, mas sem esperar grandes impactos, uma vez que segue a percepção de que o presidente Michel Temer atravessa momento favorável para avançar as medidas no Congresso Nacional.

“Se não houver participação de algo relacionado próximo à presidência, as notícias políticas não terão força para trazer realização mais forte por aqui”, escreveram analistas da corretora Lerosa Investimentos, em nota a clientes.

DESTAQUES

- BANCO DO BRASIL ON subia 1,6 por cento, anulando as perdas vistas no início dos negócios. O presidente-executivo do banco, Paulo Caffarelli, disse que colocará a rentabilidade do banco em primeiro lugar, após o balanço mostrar queda de 34 por cento no lucro ajustado do quarto trimestre. O banco estima crescimento do lucro este ano para faixa entre 9,5 bilhões e 12,5 bilhões de reais. Na mínima do dia, o papel caiu 2,7 por cento.

- SIMILES ON avançava 2,25 por cento, entre as maiores altas do Ibovespa, após reportar alta de 44 por cento no lucro líquido do quarto trimestre. O resultado foi considerado forte por analistas do BTG Pactual, que destacaram a qualidade do lucro. GOL PN, que não faz parte do Ibovespa, subia 5 por cento, na esteira dos dados de sua controlada.

- PETROBRAS PN subia 0,7 por cento e PETROBRAS ON tinha ganhos de 0,5 por cento, em linha com o movimento do petróleo no mercado internacional. Também no radar estava a divulgação dos dados de produção da companhia, que mostraram queda de 3 por cento no país em janeiro ante dezembro devido à parada programada da plataforma P-40.

- VALE PNA tinha valorização de 1,35 por cento e VALE ON subia 1,4 por cento, apesar de nova sessão de baixa para o minério de ferro na China. A mineradora informou que produziu um recorde de 348,8 milhões de toneladas de minério de ferro em 2016, alta de 0,9 por cento ante o ano anterior.

- HYPERMARCAS ON cedia 3,2 por cento, liderando as perdas do Ibovespa. Analistas do JPMorgan mudaram a recomendação dos papéis para “neutra”, ante “overweight”, e cortaram o preço-alvo para a ação para 29,50 reais, ante 30 reais anteriormente.

- RAIA DROGASIL ON perdia 2,3 por cento, também entre os destaques negativos do índice, após subir 3,8 por cento na véspera. A empresa divulga seu resultado trimestral após o fechamento do pregão desta quinta-feira.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below