3 de Março de 2017 / às 13:32 / 7 meses atrás

Decisão sobre nova mudança no preço spot da energia em 2018 sai até julho, diz CCEE

SÃO PAULO (Reuters) - A decisão sobre uma possível nova mudança em 2018 na metodologia de cálculo do preço spot da eletricidade, ou Preço de Liquidação das Diferenças (PLD), deve ocorrer até julho deste ano, disse à Reuters o presidente do Conselho de Administração da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, Rui Altieri.

A alteração, se aprovada, entraria em vigor a partir de janeiro do próximo ano e seria a segunda revisão no PLD, após uma atualização da metodologia de cálculo ser aprovada para maio deste ano, com o governo defendendo a medida como uma forma de tornar os preços da energia “mais realistas”.

O PLD, que é calculado por modelos computacionais, serve de referência para contratos de energia de curto prazo e influencia cotações no mercado livre de eletricidade.

A definição do PLD leva em conta simulações sobre a oferta e demanda por energia e os cenários de chuvas. A metodologia em preparação para maio, chamada de CVaR, torna mais pessimistas os cenários utilizados nessas simulações, enquanto a mudança que poderia ser adotada em 2018 tem sido chamada tecnicamente de SAR.

“Estamos estudando (a SAR) e até julho vamos concluir as avaliações e estudos, entender se é realmente uma metodologia que agrega valor”, disse Altieri à Reuters.

A CCEE participa do grupo técnico que conduz esses trabalhos no Ministério de Minas e Energia.

Segundo Altieri, pode ser que a conclusão de estudos em julho aponte a necessidade de prolongar as avaliações, o que adiaria a mudança.

Mas a chance de a nova metodologia ser descartada é vista por ele como “muito remota”.

Ele também afirmou que, com o início da aplicação da metodologia CVar no PLD, os preços médios tendem a subir, o que já tem sido apontado em projeções divulgadas pela CCEE nos últimos meses.

“Estamos contribuindo para alinhar o PLD com a realidade... e as alterações estão sendo feitas de maneira previsível”, destacou.

Especialistas afirmam que, sem essas mudanças, os preços spot não refletem os custos reais de operação do sistema, e as medidas já anunciadas pelo governo para alterar o PLD têm sido bem vistas pelo mercado.

Na quinta-feira, a CCEE elevou as projeções para o preço spot da eletricidade para Sudeste e Sul em 2017, mas reduziu as expectativas para Norte e Nordeste.

A CCEE apresentou previsões de um PLD médio em 2017 de 199,75 reais por megawatt-hora no Sudeste e Sul, ante 193 reais na projeção realizada no mês anterior.

Para o Nordeste, o PLD médio esperado para este ano é de 220,62 reais por megawatt-hora, ante 241 reais anteriormente.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below