11 de Abril de 2017 / às 15:43 / 5 meses atrás

Não haverá mais idade mínima para regra de transição na reforma da Previdência, diz relator

Relator da reforma da Previdência, deputado Arthur Maia (PPS-BA), no Palácio do Planalto. 11/04/2017 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA (Reuters) - O relator da reforma da Previdência, deputado Arthur Maia (PPS-BA), afirmou nesta terça-feira que não haverá mais idade mínima para as pessoas entrarem nas regras de transição em busca da aposentadoria, que haverá redução do pedágio, ao mesmo tempo em que haverá idade mínima para se aposentar quem optar por esse caminho.

Maia, que participou de reunião com o presidente Michel Temer e políticos da base aliada, não deu mais detalhes sobre como será seu texto final ou projeções de impactos financeiros com as mudanças.

Pela proposta do governo, mulheres acima de 45 anos e homens acima de 50 anos entrariam nas regras de transição tendo de pagar um pedágio de 50 por cento sobre o tempo restante de contribuição.

Segundo o relator, o novo pedágio poderá ser de 30 a 50 por cento.

Reportagem de Lisandra Paraguassu

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below