14 de Abril de 2017 / às 22:27 / 4 meses atrás

Vettel coloca Ferrari no topo em treino no Barein

MANAMA (Reuters) - O piloto Sebastian Vettel, da Ferrari, foi o mais rápido no treino do Grande Prêmio do Barein nesta sexta-feira, com o conjunto líder do campeonato da Fórmula 1 confortavelmente mais rápido do que o rival Lewis Hamilton, da Mercedes, apesar de problemas na segunda sessão.

O tetracampeão mundial foi 0,400 mais rápido que o australiano Daniel Ricciardo, da Red Bull, durante a tarde e então derrotou Valtteri Bottas, da Mercedes, por 0,041 sob os holofotes noturnos.

Hamilton, tricampeão que venceu a corrida anterior na China após o sucesso de Vettel na abertura na Austrália e que compartilha a liderança geral com 43 pontos, ficou em 10º e 5º, respectivamente.

Nenhum dos dois teve uma noite livre de problemas, no entanto, com Vettel sofrendo o que chamou de um “desligamento completo” de seu carro com meia hora para o fim.

O alemão teve o carro empurrado para os pits por funcionários e voltou 15 minutos depois para a pista.

"Não foi o melhor dia para nós, ainda temos que melhorar o carro... Em uma volta, foi OK. A longo prazo, podemos ficar muito atrás, mas estou certo que podemos melhorar amanhã”, disse Vettel.

Hamilton saiu da pista após ser impedido por Nico Hulkenberg, da Renault.

“Estes pilotos são tão perigosos”, disse o britânico à equipe por rádio, com ambos pilotos posteriormente convocados para ver os comissários.

Ricciardo ficou em terceiro à noite, com Kimi Raikkonen, da Ferrari, em quarto, após sua sessão noturna terminar com o finlandês abandonando seu carro enfumaçado e caminhando no calor do deserto.

A caminhada solitária pela paisagem árida em macacão e capacete, antes de ser recolhido por uma moto, foi uma visão de chamar atenção – e também típica para um piloto com “Iceman” (homem de gelo) tatuado em seu braço esquerdo.

“Andando pelo deserto no calor de 37 graus. Em traje de corrida completo. Capacete colocado. Só o Iceman é legal o suficiente para fazer isto”, observou a conta oficial da Fórmula 1 em publicação no Twitter.

Enquanto Raikkonen suou, Vettel se manteve no topo das tabelas de marcação dos tempos com a melhor volta, de um minuto e 32,697 segundos. Ele completou 1:31.310 nas condições noturnas mais frescas, com Raikkonen em quarto, após uma mudança de motor.

A campeã Mercedes esteve mais focada em corridas mais longas com cargas de combustível mais pesadas durante o calor da tarde, com Bottas somente em 14º.

A equipe acelerou durante a noite e teve mais voltas que qualquer outra.

“É com certeza mais duro que antes, pilotar no calor com estes novos carros. Mas estou acostumado com uma sauna finlandesa, então não é problema”, comentou Bottas.

(Tradução Redação São Paulo, +5511 56446619))

REUTERS RBS

Raquel Stenzel

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below