18 de Abril de 2017 / às 16:26 / 5 meses atrás

Tributação e regras de capital limitam expansão do Itaú​ Unibanco no exterior, diz Setubal

SÃO PAULO (Reuters) - O Itaú Unibanco não enxerga grandes oportunidades de expansão internacional nos próximos anos devido ao tratamento fiscal do Brasil sobre lucros fora do país e ao custo elevado de haver padrões de capital diferentes, disse nesta terça-feira o presidente-executivo do banco, Roberto Setubal.

“Infelizmente, a dinâmica atual nos coloca em desvantagem para competir por ativos no exterior”, disse Setubal durante apresentação em evento do Itaú Unibanco com profissionais do mercado.

Para o executivo, que será sucedido no cargo por Candido Bracher no fim do mês, o cenário pode mudar daqui a alguns anos quando as regras de Basileia III, que o banco já obedece, forem adotadas integralmente por outros países.

Além disso, disse Setubal, o banco é tributado sobre os lucros de subsidiárias estrangeiras tanto no país de origem quanto no Brasil, o que tira competitividade do Itaú Unibanco no estrangeiro.

PÓS-CRISE

Prevendo que o Brasil terá um processo muito lento de retomada da atividade econômica, Setubal afirmou que embora jamais tenha previsto a magnitude da recessão pela qual tem passado o país, o banco tem mostrado grande capacidade de controlar seus níveis de inadimplência no varejo.

Para o executivo, o Itaú Unibanco já provisionou a maior parte das perdas esperadas com os efeitos da operação Lava Jato sobre a carteira de crédito corporativo e não há projeções de novas baixas significativas para calotes.

De acordo com Setubal, os bancos públicos ainda continuarão sentindo os efeitos da campanha empreendida pelo governo federal de irrigar a economia com crédito subsidiado, o que fracassou.

“Tentar impulsionar o PIB apenas com aumento do crédito subsidiado não funciona e isso ainda vai ter impacto nos balanços dos bancos públicos”, afirmou.

Para o executivo, um dos desafios do setor bancário no Brasil para os próximos anos é a expansão das empresas tecnológicas de serviços financeiros, as fintechs.

Segundo ele, o Itaú Unibanco conseguiu diminuir as diferenças em termos de tecnologia que tinha alguns anos atrás. No entanto, a competição ainda será acirrada à frente.

“Vamos perder margens, mas o impacto não será tão grande em perda de mercado”, disse.

ECONOMIA E POLÍTICA

Setubal disse estar otimista com o fato de que a aprovação de reformas, como a trabalhista e a previdenciária, criarão um ambiente de negócios mais favorável para o crescimento da economia nos próximos anos e que a aprovação de um teto para o crescimento dos gastos públicos foi um primeiro passo importante nesse sentido.

No entanto, ponderou, há alguns aspectos na gestão macroeconômica que ainda precisam melhorar, como o controle da inflação e a prática de menos intervenção no câmbio.

“A inflação está caindo, mas ainda é alta na comparação com outros países, a meta deveria mudar para algo em torno de 3, 3,5 por cento ao ano”, disse. “E seria adequado o Banco Central intervir menos no câmbio do que tem feito nos últimos anos.”

Para Setubal, o aumento da desigualdade econômica devido à forte recessão agrava a instabilidade política no país. Nesse sentido, o executivo considerou positiva a entrada de empresários na política, dado que eles percebem o que precisa ser feito para melhorar a gestão.

Descartando a possibilidade de ele mesmo entrar na política após deixar o comando do banco no fim do mês, após 23 anos, Setubal disse no entanto que só a capacidade empresarial não é suficiente para atender as necessidades do país. “O que nós precisamos é de bons políticos”, disse.

Edição Alberto Alerigi Jr.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below