10 de Maio de 2017 / às 16:26 / 4 meses atrás

Confiança do consumidor atinge em maio nível mais baixo desde setembro, aponta Thomson Reuters/Ipsos

SÃO PAULO (Reuters) - A confiança do consumidor do Brasil recuou pelo terceiro mês consecutivo em maio e atingiu o nível mais baixo desde setembro do ano passado, apontou o indicador da Thomson Reuters/Ipsos divulgado nesta quarta-feira.

O Índice Primário de Sentimento do Consumidor (PCSI, na sigla em inglês) recuou 1,9 ponto, para 37,1 pontos em maio, ante 39 pontos observados em abril.

A leitura de maio mostrou queda nos quatro subíndices analisados pela pesquisa.

O maior recuo foi registrado no subíndice que mede as expectativas para a economia brasileira. Em maio, o recuo foi de 3,1 pontos, a 60 pontos.

A segunda maior retração foi registrada no quesito que mede os investimentos. O recuo foi de 1,7 ponto, para 36,4. No quesito que avalia as condições atuais da economia, a queda foi de 1,5 ponto, a 26,5 pontos.

Por fim, o subíndice que avalia o mercado de trabalho perdeu 1,1 ponto, para 29 pontos.

Em abril, a confiança do consumidor medida pela Fundação Getulio Vargas também apresentou piora. O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) recuou 3,1 pontos, para a 82,2 pontos.

Por Luiz Guilherme Gerbelli

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below