12 de Maio de 2017 / às 14:20 / 4 meses atrás

Ibovespa avança em sessão com intensa agenda de balanços

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista engatava o quarto pregão seguido de ganhos nesta sexta-feira, em sessão marcada por uma bateria de balanços corporativos, com as ações da Petrobras e da Qualicorp entre os destaques positivos.

Às 11:15, o Ibovespa subia 1,04 por cento, a 68.242 pontos. O giro financeiro era de 2,6 bilhões de reais.

O cenário político tranquilo, após a conclusão nesta semana da votação da reforma da Previdência em comissão especial da Câmara dos Deputados, também favorecia o tom positivo do pregão, com investidores mais otimistas sobre o avanço da medida no Congresso Nacional.

Além disso, os mais recentes dados da economia brasileira, incluindo a desaceleração da inflação, corroboram a expectativa pela manutenção dos cortes da taxa básica de juros e têm levado alguns agentes econômicos a acreditar em cortes maiores da Selic.

DESTAQUES

- PETROBRAS PN subia 4,45 por cento e PETROBRAS ON avançava 4,8 por cento após a petroleira reportar lucro líquido de 4,45 bilhões de reais no primeiro trimestre, o melhor resultado em dois anos, impulsionado por um desempenho operacional histórico, apesar de uma menor demanda por derivados no mercado interno.

- QUALICORP ON ganhava mais de 13 por cento, após divulgar os números do primeiro trimestre. A administradora de planos de saúde teve lucro líquido consolidado de 111,5 milhões no período, recuo de 43,8 por cento ante mesma etapa do ano passado. Analistas da corretora Coinvalores avaliam os dados como sólidos e destacam que a queda no lucro líquido refletiu benefício fiscal registrado no primeiro trimestre do ano passado e que excluindo esse impacto, o aumento do lucro líquido foi de 84 por cento.

- BRF ON avançava 1,4 por cento, após reportar dados do primeiro trimestre mostrando prejuízo líquido de 286 milhões de reais, conforme a receita operacional líquida encolheu em meio à queda dos preços e dos volumes produzidos. Para analistas do Credit Suisse, os números do período foram fracos, mas o banco destaca que a perspectiva para os próximos trimestres é de melhora.

- KROTON ON ganhava 1,3 por cento, após informar seus números referentes ao primeiro trimestre, com alta de 17,6 por cento no lucro líquido ante igual período do ano passado, para 577,1 milhões. A companhia também divulgou estimativas para 2017.

- MARFRIG ON tinha alta de 0,5 por cento, tendo como pano de fundo o anúncio da empresa de que sua subsidiária Keystone Foods submeteu à Securities and Exchange Comission (SEC, órgão que regula o mercado de capitais norte-americano) registro inicial para abertura de capital nos Estados Unidos. Além disso, os números da empresa para o primeiro trimestre também estavam no radar.

- LOJAS AMERICANAS PN caía 3,3 por cento, entre os destaques negativos do Ibovespa, após reportar prejuízo líquido consolidado de 132,9 milhões de reais no primeiro trimestre, ante resultado negativo de 23,9 milhões de reais em igual etapa do ano passado.

- JBS ON perdia 2,4 por cento, também entre as maiores perdas do índice, diante de nova operação da Polícia Federal que investiga fraudes e irregularidades em aportes concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), através de seu braço de investimentos BNDESPar, a uma grande empresa do ramo de proteína animal, que, segundo uma fonte da PF, seria a JBS.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below