7 de Junho de 2017 / às 17:05 / em 6 meses

Mercados acionários europeus fecham em queda pressionados por energia e apesar da alta de bancos

LONDRES (Reuters) - Os mercados acionários europeus fecharam em queda nesta quarta-feira apesar do suporte das ações de bancos e de empresas de serviços públicos, em meio ao alívio com o fato de que o espanhol Banco Popular está sendo resgatado pelo Santander.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,08 por cento, a 1.529 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,06 por cento, a 389 pontos.

No final o mercado foi pressionado pela queda no setor de energia, com os preços do petróleo caindo após dados mostrarem que os estoques de petróleo e gasolina dos Estados Unidos aumentaram inesperadamente na semana passada.

Embora as ações do Santander tenham recuado 0,9 por cento em uma sessão volátil e a negociação das ações do Banco Popular tenham sido suspensas, os bancos europeus avançaram 0,7 por cento. O Santander disse que comprará o Banco Popular e realizará um aumento de capital de cerca de 7 bilhões de euros.

“..o (Popular) estava perto de falir... e o fracasso de qualquer banco, como já vimos no passado, pode levar a uma cadeia de eventos em que todo o setor bancário fica assustado, especialmente os investidores”, disse o chefe de pesquisa da Accendo Markets, Mike van Dulken.

As empresas de serviços públicos avançaram 0,37 por cento, lideradas pelas alemãs E.ON e RWE. As duas empresas ganharam mais de 5 por cento depois que a mais alta corte do país declarou ilegal um imposto sobre combustível nuclear, o que lhes permite reivindicar 6 bilhões de euros em dinheiro.

Os investidores também aguardam as eleições do Reino Unido na quinta-feira, além da reunião de política monetária do Banco Central Europeu.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,62 por cento, a 7.478 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,14 por cento, a 12.672 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,07 por cento, a 5.265 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve desvalorização de 0,10 por cento, a 20.739 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,07 por cento, a 10.871 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,56 por cento, a 5.289 pontos.

Por Kit Rees

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below