22 de Junho de 2017 / às 11:34 / em 3 meses

BC vê inflação menor em 2017 e 2018, mas sinaliza de novo que vai cortar menos os juros

Logo do Banco Central na sede da instituição, em Brasília. 15/01/2014 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA (Reuters) - O Banco Central reduziu suas previsões sobre inflação neste ano e no próximo, segundo Relatório Trimestral de Inflação divulgado nesta quinta-feira, mas reafirmou que, em meio ao cenário de incertezas elevadas, uma redução moderada do ritmo de corte na Selic deve se mostrar adequada. No documento, o BC calculou alta do IPCA em 3,8 por cento em 2017 e de 4,5 por cento em 2018 pelo cenário de mercado, sobre 4 e 4,6 por cento vistos no comunicado da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), de maio. O cenário de mercado considera a Selic a 8,5 por cento no fim de 2017 e de 2018.

O BC também manteve sua perspectiva para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano a 0,5 por cento.

Por Marcela Ayres

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below