27 de Junho de 2017 / às 14:55 / 2 meses atrás

Bovespa opera perto da estabilidade após denúncia contra Temer; Vale sobe

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da Bovespa operava perto da estabilidade nesta terça-feira, sem viés definido, diante das incertezas políticas após o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentar denúncia contra o presidente Michel Temer por corrupção passiva, mas com a pressão sendo limitada por ganhos da Vale.

Às 11:52, o Ibovespa subia 0,22 por cento, a 62.327 pontos. O giro financeiro era de 2,24 bilhões de reais.

Na acusação protocolada na segunda-feira no Supremo Tribunal Federal (STF), Janot acusa Temer de se valer da condição de "chefe do Poder Executivo e liderança política nacional" para receber, por intermédio do ex-assessor presidencial e ex-deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), vantagem indevida de 500 mil reais ofertada por Joesley Batista, da JBS.

A espera agora é pelo envio da acusação à Câmara dos Deputados, onde serão necessários votos de 342 votos favoráveis, dos 513 deputados, para que a Casa autorize o STF a processar o presidente.

"Aparentemente, Temer possui votos necessários para bloquear o trâmite no Legislativo, mas certamente vai custar mais caro politicamente e pode afetar ainda mais o ajuste da economia", escreveu o economista-chefe da corretora Modalmais,Álvaroo Bandeira, em nota a clientes.

DESTAQUES

- VALE PNA subia 4,08 por cento e VALE ON avançava 5,06 por cento, em linha com o movimento dos contratos futuros de minério de ferro na China, que subiram 6 por cento e atingiram máximas de um mês nesta terça-feira. No radar está ainda a reunião de acionistas da empresa que acontece nesta terça-feira e tem na pauta a conversão das ações preferenciais em ordinárias e a migração para o Novo Mercado.

- CSN ON ganhava 5,06 por cento, enquanto USIMINAS PNA tinha alta de 1,6 por cento e GERDAU PN subia 1,5 por cento, também acompanhando a sessão positiva para os contratos do minério de ferro e do aço na China.

- PETROBRAS PN avançava 1,71 por cento, enquanto PETROBRAS ON ganhava 1,99 por cento, em sessão de ganhos para os preços do petróleo no mercado internacional.

- BRADESCO PN caía 0,04 por cento, ITAÚ UNIBANCO PN tinha baixa de 0,11 por cento, BANCO DO BRASIL ON perdia 0,67 por cento e SANTANDER UNIT recuava 0,86 por cento, revertendo o desempenho amplamente positivo para o setor bancário na sessão passada.

- ESTÁCIO PARTICIPAÇÕES ON perdia 3,38 por cento, enquanto KROTON ON recuava 2,6 por cento, com investidores cautelosos à espera do julgamento no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) do processo de fusão das duas empresas, marcado para quarta-feira.

- LOCALIZA ON caía 2,19 por cento, após subir nos três pregões anteriores e acumular alta de 5,2 por cento no período. No radar também estava a informação de que a superintendência-geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a aquisição de controle da Car Rental Systems, do Grupo Hertz, pela Localiza.

- SÃO MARTINHO ON, que não figura no Ibovespa, ganhava 0,82 por cento, após a empresa, uma das maiores do setor de açúcar e etanol do Brasil, anunciar que a moagem de cana na temporada 2017/18 aumentará em 15,7 por cento ante a temporada anterior, para 22,3 milhões de toneladas.

Por Flavia Bohone

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below