4 de Julho de 2017 / às 12:30 / em 3 meses

China corta 120 mi t em capacidade de produção de aço de baixa qualidade no 1° semestre

PEQUIM (Reuters) - A China fechou mais de 600 usinas siderúrgicas que produziam aço de baixa qualidade na primeira metade do ano, reduzindo a capacidade em cerca de 120 milhões de toneladas, informou o veículo de mídia estatal China Economic Daily nesta terça-feira.

A China, maior produtora de aço do mundo, tem pressionado a produção de vergalhão de baixa qualidade com o objetivo de reduzir o excesso de oferta e ajudar a combater a poluição.

Os analistas estimam a capacidade total de produção de aço da China em cerca de 1,2 bilhão de toneladas, com um excesso anual de até 400 milhões de toneladas.

As autoridades planejam enviar equipes de inspeção em agosto para verificar os resultados dos esforços para interromper a produção de aço em pequenos fornos de baixa tecnologia e impedir a reabertura, afirmou a China Metallurgical News na semana passada.

A China pretende cortar 50 milhões de toneladas em capacidade de produção de aço em 2017 -- não incluindo a capacidade de aço de baixo teor. O governo chinês disse no mês passado que já havia atingido em meados de junho 85 por cento da meta.

Por Muyu Xu e Redação Pequim

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below