12 de Julho de 2017 / às 15:46 / um mês atrás

Presidente do BNDES recua e diz estar totalmente vinculado à proposta do governo para TLP

Presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, durante cerimônia no Rio de Janeiro 01/06/2017Pilar Olivares

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Paulo Rabello de Castro, afirmou nesta quarta-feira estar "totalmente vinculado" à criação da Taxa de Longo Prazo (TLP), que substituirá a TJLP nos empréstimos do banco de fomento.

"Eu não sugeri nada. Estou decorando a MP 777 só para eu saber de cor tudo que o governo propôs para que eu possa endossar", disse a jornalistas.

Bastante questionado a respeito do tema em evento no Palácio do Planalto, ele disse ainda não ter proposta sobre a medida, e que "o único que tem que ter proposta é o presidente Michel Temer e equipe".

Rabello de Castro chegou a fazer críticas públicas, antes, sobre a TLP, dizendo que ela poderia prejudicar as empresas.

Por Marcela Ayres

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below