24 de Julho de 2017 / às 16:53 / um mês atrás

Índices acionários europeus recuam pressionados pelo setor automotivo e por empresas aéreas

(Reuters) - As ações europeias recuaram nesta segunda-feira, com as ações das empresas fabricantes de automóveis atingindo seu nível mais baixo este ano depois que os reguladores antitruste abriram uma investigação, enquanto as preocupações com a guerra de preços prejudicaram as companhias aéreas.

O índice FTSEurofirst 300 caiu 0,21 por cento, a 1.489 pontos, enquanto o índice pan-europeu STOXX 600 perdeu 0,24 por cento, a 379 pontos.

O papel da Gemalto caiu 19,7 por cento depois que a empresa de segurança digital anunciou na sexta-feira preocupações sobre o lucro pela quarta vez desde outubro, citando a fraqueza contínua em suas operações de pagamentos com o cartão SIM e operações de pagamentos nos EUA.

As ações nos fabricantes de automóveis recuaram depois que os reguladores antitruste da União Europeia disseram que estavam investigando alegações de formação de um cartel, com os papéis da Volkswagen, Peugeot, Daimler, Renault e BMW recuando entre 1,3 e 2,8 por cento.

Isso trouxe o índice de automóveis para a mínima em sete meses e fez o setor ter o pior desempenho no dia, com uma queda de 1,4 por cento.

"É claramente ruim para a confiança, que já foi prejudicada pelo escândalo de emissões", disse o analista de autos da DZ Bank, Michael Punzet, acrescentando que espera "alta volatilidade relacionada ao próximo fluxo de notícias".

A companhia aérea de baixo custo Ryanair caiu 1,1 por cento depois de ter alertado que as tarifas de verão podem ter cortes bruscos, embora a empresa tenha dito que o lucro subiu 55 por cento no primeiro trimestre.

As ações da Wizz Air e da EasyJet recuaram 1,3 e 2,8 por cent, enquanto as da Lufthansa subiram 0,5 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 1,01 por cento, a 7.377 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,25 por cento, a 1.208 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,20 por cento, a 5.127 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,59 por cento, a 21.326 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,19 por cento, a 1.446 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,61 por cento, a 5.263 pontos.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below