26 de Julho de 2017 / às 18:57 / 21 dias atrás

Índice firma-se no vermelho após ganhos recentes, de olho em noticiário corporativo

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa paulista firmava-se no vermelho na tarde desta quarta-feira, em movimento de ajuste após subir nos dois pregões anteriores, e com investidores de olho no noticiário corporativo, conforme avança a temporada de balanços.

Às 15:47, o Ibovespa caía 0,85 por cento, a 65.112 pontos, após subir 0,31 por cento na máxima da sessão até o momento e recuar um pouco mais de 1 por cento na mínima. O giro financeiro era de 5,15 bilhões de reais.

As ações da Lojas Renner caíam 3,44 por cento, entre os destaques negativos o índice, após divulgar seu balanço referente ao segundo trimestre.

O setor de siderurgia e mineração também estava pressionado na sessão, com Vale PNA perdendo 1,6 por cento, enquanto Vale ON cedia 2,1 por cento, em dia de perdas para os contratos futuros do minério de ferro na China. Gerdau PN perdia 4,85 por cento, liderando a ponta negativa do índice.

Na ponta positiva, o destaque seguia para os papéis da JBS, que subiam 7 por cento após a empresa anunciar acordos com bancos para estabilizar dívidas.

Investidores também acompanhavam a decisão do Federal Reserve, que não trouxe surpresas ao manter a taxa de juros e indicar que o ritmo de altas permanecerá gradual.

Por Flavia Bohone

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below