28 de Julho de 2017 / às 13:05 / 22 dias atrás

Governo questiona distribuidoras sobre demanda para leilões de energia em 2017

(Reuters) - O governo abriu prazo para que as distribuidoras de eletricidade apresentem projeções de demanda para os próximos anos, com o objetivo de avaliar a necessidade de realizar leilões em 2017 para contratação de novos projetos de geração, segundo portaria do Ministério de Minas e Energia publicada no Diário Oficial da União desta sexta-feira.

As distribuidoras deverão apresentar em até 30 dias informações sobre o quanto precisariam comprar em energia para os anos entre 2018 e 2023 a fim de atender à demanda dos consumidores em suas áreas de concessão.

Segundo o ministério, o chamado às distribuidoras tem como objetivo "definir a programação, para 2017, dos leilões de compra de energia elétrica proveniente de novos empreendimentos de geração e dos leilões de compra de energia elétrica proveniente de empreendimentos de geração existentes".

Investidores em geração e governadores têm pressionado o governo a anunciar leilões para contratar novas usinas, mas o Ministério de Minas e Energia tem dito que pretende realizar uma avaliação sobre a demanda antes de agendar licitações.

Por Luciano Costa

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below