25 de Outubro de 2017 / às 18:47 / 25 dias atrás

Goldman planeja expansão em private equity para ofuscar problemas com corretagem

NOVA YORK (Reuters) - O Goldman Sachs está ampliando investimentos em private equity, buscando alvos menores e de alto crescimento como parte de um plano para compensar declínios recentes em corretagem, três pessoas familiarizadas com o esforço disseram à Reuters.

O banco de investimentos do Goldman, que normalmente foca em assessorar grandes empresas em fusões e captar recursos, agora quer usar os próprios fundos para financiar algumas pequenas empresas promissoras no curto prazo, disseram as pessoas.

A iniciativa é liderada pela executiva de investimentos sênior Kathy Elsesser, que assumiu o projeto este ano, além de seu cargo como diretora global do banco de investimentos para saúde, varejo e consumo.

A meta é repetir o sucesso anterior com investimentos de estágios iniciais em empresas de tecnologia como Uber. Seu mais recente esforço, no entanto, visa setores fora do Vale do Silício, disseram as pessoas, que não quiseram ser identificadas, porque a estratégia ainda não é pública.

Essa é uma das várias iniciativas do Goldman para aumentar em 5 bilhões de dólares sua receita anual, após uma queda nas negociações com bônus. Entre estes esforços para emprestar mais estão acordos para atrair grandes clientes e convencer mais corporações e investidores a negociarem com o banco.

Por Olivia Oran

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below